Quais são as maiores tendências para o mercado de bebidas?

Quem aí se aventurou pela cozinha nos últimos meses? Muitos de nós redescobriu o prazer de preparar a própria comida, explorou novas opções nos deliveries e até repensou hábitos alimentares. Enquanto isso — por uma série de mudanças de comportamento que já vinham ocorrendo e foram intensificadas pela pandemia —, a relação com o que

INFO

Quem aí se aventurou pela cozinha nos últimos meses? Muitos de nós redescobriu o prazer de preparar a própria comida, explorou novas opções nos deliveries e até repensou hábitos alimentares. Enquanto isso — por uma série de mudanças de comportamento que já vinham ocorrendo e foram intensificadas pela pandemia —, a relação com o que bebemos também foi se transformando, o que trouxe impactos diretos para o mercado de bebidas. 

Para entender esses novos hábitos e quais tendências eles estão trazendo para o setor de bebidas, nossa equipe se baseou em relatórios de tendências e opiniões de especialistas do mercado. Venha conferir o que nós descobrimos!

Quais comportamentos estão transformando o setor de bebidas? 

As pessoas que curtem produtos com álcool têm apresentado novas exigências nos últimos anos. Com a popularização da gastronomia — os reality shows, bem como as redes sociais, deram um empurrãozinho nessa —, elas têm buscado por bebidas ricas em sabores, com ingredientes de alta qualidade e que proporcionem novas experiências. Nesse cenário, fazem sucesso os produtos que permitem aos clientes conhecer a cultura de outros lugares e as marcas que ajudam as pessoas a preparar seus próprios coquetéis em casa. 

Antes do coronavírus colocar nosso mundo de cabeça pra baixo, já havia também uma demanda crescente por bebidas mais saudáveis. E esse fenômeno vem impulsionando o mercado de produtos sem álcool, especialmente entre as gerações Y (ou Millennials, nascidos entre 1980 e 1994) e Z (nascidos entre 1995 e 2010), como apontou uma reportagem da publicação de negócios The Economist.

Essa demanda por opções mais saudáveis cresceu na pandemia e deu origem a uma série de outras tendências. Com mais pessoas buscando por formas de melhorar a imunidade, aumentou também a busca por ingredientes anti-inflamatórios, vitaminas, minerais, probióticos e produtos que aprimoram a hidratação do corpo. Além disso, a turma que manteve os exercícios físicos em dia tem buscado mais por bebidas que ajudem a dar uma força na ingestão de proteínas, na reposição de eletrólitos e no fornecimento de energia.

Outra demanda que se fortaleceu no mercado de bebidas recentemente foi por produtos que ajudam a induzir estados de espírito, os chamados mood boosters. Ingredientes como canabidiol, l-teanina e adaptógeno têm sido aplicados por suas propriedades calmantes — um requisito importante, já que o momento pede bastante resiliência, né? 

E quais são as tendências para o mercado de bebidas nos próximos anos?

Agora que você já sabe quais mudanças de comportamento vem transformando o setor de bebidas, está na hora de entender quais são as tendências de destaque para os próximos tempos. Prepare-se para repensar bebidas tradicionais, pensar em novas possibilidades de embalagem e atribuir novas funções aos produtos! 

1. Bebidas tradicionais em novos formatos

Segundo dados da Ideal Consulting, divulgados no G1, o consumo de vinhos disparou durante a pandemia. Em julho de 2020, no Brasil, as vendas cresceram três vezes mais em relação à março do mesmo ano. E os hábitos de consumo se transformaram na mesma intensidade: além da maior demanda por produtos de qualidade e em novas versões, as pessoas têm repensado tradições e consumido mais bebida em lata. É com essa busca por novos sabores e uma energia descontraída que a Vivant, marca nacional de vinhos em lata, vem se destacando. Lançada em 2019, a marca conseguiu desenvolver uma embalagem que preservasse as características da bebida e fosse também sustentável. E se deu bem: de lá pra cá, a empresa vendeu 40% a mais do que o esperado.

marca-vivant-do-mercado-de-bebidas-brasileiro
Para chamar a atenção do público, as marcas apostam em embalagens mais chamativas e descontraídas

2. Bebidas que proporcionam experiências diferenciadas

As pessoas não têm buscado somente por bebidas de qualidade, elas querem também que o momento do consumo seja marcante. Para atender a essa demanda, algumas marcas têm ensinado seus clientes a fazer drinks em casa, enquanto outras oferecem experiências de degustação aliadas à gastronomia e ao turismo. E há aquelas que investem em embalagens bem criativas!

É o caso da Far From Home, marca de cervejas inglesa que propôs um rótulo animado. Mas calma, que não é magia, é tecnologia! A embalagem, criada pelo londrino Studio Morfar e pela revista Ferment, possui uma ilustração em realidade aumentada: basta aproximá-la da câmera do celular para ver o barquinho da lata navegar no pôr do sol…

experiencias-proporcionadas-pelo-mercado-de-bebidas
Para além da estética, as marcas precisam pensar em novas experiências para fidelizar clientes

3. Bebidas para regular o humor

Uma pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde, em 2020, apontou que 41,7% dos brasileiros estão sofrendo com distúrbios do sono durante a pandemia. Por isso, cada vez mais pessoas têm procurado ingerir substâncias saudáveis que as ajudem a relaxar da rotina estressante e a terem uma boa noite.

Se os tradicionais chás calmantes já cumpriam essa tarefa, antes da pandemia, agora outras bebidas também vieram para dar uma forcinha. É o caso da Driftwell, lançada pela PepsiCo neste ano: uma água saborizada que conta com L-teanina, aminoácido usado para relaxamento e comumente encontrado no chá verde. 

driftwell-uma-das-marcas-do-mercado-de-bebidas
Além do sabor, as bebidas também podem ajudar a aliviar o stress e despertar o relaxamento

Mudanças de comportamento vêm despertando novidades no mercado de bebidas. Com criatividade, marcas do setor mostram que, alcoólicos ou não, os produtos podem proporcionar experiências diferenciadas e ingredientes saudáveis que ajudem nos cuidados com a mente e o corpo.

Ufa, essa conversa deu até sede! Enquanto a gente prepara uma bebida refrescante por aqui, que tal você conferir também o nosso e-book especial sobre soft drinks? Lá, a gente conta um pouco mais sobre como essas bebidas estão transformando o mercado e porque as marcas devem ficar de olho nessa tendência!

Quer conhecer outras tendências de mercado? Siga a gente no Instagram, Facebook e Linkedin!

Receba mensalmente nossos
insights sobre branding e negócios